domingo, 13 de junho de 2010

O passado parece que ainda pesa

O que é que se faz quando a cabeça não ultrapassa coisas que o coração já apagou? A angústia com a qual acordei esta manhã acompanhou todo o meu dia. Tudo isto se deve ao sonho que tive esta madrugada e me esmagou o coração enquanto na minha cabeça as imagens do sonho se criavam, durante horas e horas... Como é que é possível eu sonhar com aquilo que sonhei esta noite? Questiono a normalidade dos meus sonhos, porque claramente algo de estranho se passa nesta minha cabeça que pensa e repensa em tudo sem se cansar! Vocês, que seguem o meu blog, conseguem perceber o quanto eu amo o M, o quanto me sinto bem com ele e o quanto ele transforma a minha vida da forma mais bonita e marcante que alguma vez alguém transformou. E agora digam-me como pode ser possível eu sonhar que ele volta para uma pessoa com quem já esteve no passado, se transforma no rapaz que era nesse mesmo passado (um rapaz sem sentimentos certos, com vontades confusas...) e me ignora de vez. Não atende as chamadas, não me responde às mensagens e não me quer ver de maneira alguma. Sabem o que é gostar imenso de alguém e ter a sensação de perda em cada minuto de um sonho como este? Parecia tudo tão real, mas tão confuso!
Quando acordei senti a maior sensação de alívio que alguma vez sentira...percebi que não era real, que nada tinha mudado. O M era o mesmo de agora, estava comigo como sempre, não estava a fugir de mim e muito menos a ignorar-me...Acordei e continuavamos juntos, afinal não passou tudo de um sonho, um sonho mau!
Eu só precisava de ajuda para tentar perceber como é que posso quebrar esta barreira na minha cabeça entre o passado e o presente...


O passado parece que ainda pesa...

9 comentários:

N. # disse...

O passado pesa sempre. com a vinda de novas pessoas, de novo seres, tudo pode mudar. mas o passado, pode ir embora, mas na nossa mente permanecerá sempre. *

Alguém... disse...

Muito obrigada pelas tuas palavras, adorei :')
Dizeste mesmo tudo tal como me sinto e como gostava que quem me lê percebess isso, e tu entendeste-me. Tem muito valor isso, acredita.
Obrigada, de verdade*


"Eu só precisava de ajuda para tentar perceber como é que posso quebrar esta barreira na minha cabeça entre o passado e o presente..."
Eu também preciso quebrar essa barreira na minha mente, ambas precisamos seguir em frente.

Beijinho enorme**

Raa º disse...

' O passado parece que ainda pesa... ' Como te compreendo :$ - Gostei do blog , vou seguir :)

Ana C. disse...

Oh minha cúmplice, às vezes a nossa mente durante o sono, vai buscar coisas ao inconsciente que nunca pensámos que voltassem à memória. Pior, às vezes cenas sem nexo absolutamente algum ! Como te percebo, a nossa cabeça é muito complexa, vá lá alguém entendê-la :o

. Ângela Raquel disse...

É certo que não te conheço, mas estes sonhos todos temos. Até mesmo eu. São medos que no acompanham sempre, mesmo que discretos, podendo um dia, mais cedo ou mais tarde, vir ao de cima e se mostrarem.
A questão é o que fazer depois de os ter: se nos deixamos controlar pelo medo ou não. Mas as conversas entre os envolventes na relação só ajudam e simplificam as coisas. Por isso, fala com o M :)

Um beijinho *

catarina. disse...

Gostei muito, vou seguir!
beijinho

Paulinha Leite disse...

Ola...
Passeando por entre blogs te encontrei.
E fiquei encantada com teu blog, a tua maneira de escrever, de ver a vida.
É dificil achar blogs com conteudo hoje em dia, e sinto-me mt feliz em te-la achado!
Passei a te seguir pra acompanhar sempre as tuas postagens!
Parabens de verdade! Amei teu espaco!

Alguém... disse...

Obeigada querida (:

Beijinho*

Sara Martins disse...

eu ia por um texto com esta imagem! tenho a imagem no pc! xD
beijinho, vou seguir o blog ;)