quarta-feira, 30 de junho de 2010

Acreditas no destino como eu?

“Há um encanto só nosso que nos faz pairar por cima de todas as coisas sempre que estamos juntos. Há um cuidado e uma estima em relação ao outro que fizeram com que nos mantivéssemos sempre próximos, apesar da distância.”


Um cuidado e uma estima que sempre nos uniu. Apesar da indiferença que muitas vezes senti da tua parte, e apesar da segurança que não me davas, eu sabia, no fundo de mim, que entre nós havia preocupação, carinho, cuidado em cada troca de olhar e em cada toque sentido. Havia constantemente uma quimica entre nós quando nos encontravamos no mesmo espaço, e essa química sentia-se a quilómetros de distância. E sabes porquê? Porque ela já ditava o nosso futuro, já previa o nosso entendimento e já adivinhava o amor que ia nascer entre nós os dois. Há quem não acredite no destino, há quem sinta que as coisas não acontecem por um motivo, mas eu, eu acredito de olhos fechados que o destino escreveu certo por linhas tortas toda a nossa história, e que aconteceu assim porque estavamos (e estamos) destinados a viver e a respirar este sentimento que nos consome, que nos mantém vivos, com luz, com garra, com força e com vontade de viver a cada dia esta paixão que nos envolve e este amor que nos mantém unidos!

Meu querido, acreditas no destino como eu?

2 comentários:

Raa º disse...

Tenho um selo novo no meu blog , oferecido pela Sílvia e decidi retribui-lo a todos os meus seguidores em forma de agradecimento . É só clicares no segundo selo que está no meu blog e seguires as regras . Obrigada por seres um dos meus seguidores (: ♥

Pipa disse...

Entrei no teu blog e li logo: "Vivo, sonho e realizo". COntudo, também pelo que li, és uma apaixonada :)