segunda-feira, 19 de julho de 2010

Amuleto da sorte

Não é bom saber que somos o amuleto da sorte de alguém? E logo alguém com tanta importância e destaque na minha vida. É bom saber que lhe dou sorte "apenas" com um beijinho e a minha presença, é reconfortante a sensação de ser incomparável e insubstituível...É bom ter o olhar dele em mim, é bom eu ter a minha atenção nele, vibrar com ele, estar do lado dele, querer o melhor para ele.
Tenho comigo alguém que me vê como base para a felicidade e para o seu próprio bem-estar, e ele tem com ele alguém que o vê como a maior essência, como a maior sensação de liberdade...Se temos as nossas coisas más? Claro que temos...discutimos como acontece com todas as pessoas que se gostam, mas o sentimento que nos une supera e impossibilita qualquer pensamento de eterna separação, não conseguimos sequer suportar essa ideia! O que nos une é forte demais para se despedaçar numa discussão com a cabeça quente.

Meu Coração, sabias que também és o meu amuleto da sorte?

5 comentários:

Catas disse...

é tao bom sermos o amuleto da sorte de alguem :)
e que belo texto! *

N. # disse...

É tão bom quando assim o é =) *

Alguém... disse...

Também já fui o amuleto da sorte de alguém...quando o somos, não o deveria ser para sempre!?

Obrigada pelas palavras querida, tens razão e é isso mesmo que faço, acima de tudo pensar em mim.

Beijinho*

a extensão do pensamento. disse...

Está lindo, está mesmo.
E obrigada **

Catas disse...

precisamos sempre de sentir um bocadinho de tudo à flor da pele, se não esta vida acaba sem conhecermos todas as sensaçoes que nos rodeiam.
tens um belo blog, beijinho :) *